sábado, agosto 11, 2012

COLUNA DO SPC NO JORNAL A GAZETA

O partido que morreu em pé
            O MDB nasceu de uma costela da ditadura militar, cresceu e se fez PMDB, partido considerado por muito tempo baluarte da democracia brasileira, elegendo os mais ilustres políticos do cenário nacional. Mas esse tempo de glória passou e hoje o PMDB é um dos esteios do governo petista, onde perdeu totalmente a sua identidade.
            Em Itapeva não foi diferente, depois de ter a Prefeitura, por três vezes, o PMDB se perdeu e nos últimos 16 anos é apenas um apêndice do poder, com seus vereadores e partidários atrelados aos prefeitos, sem fazer política partidária, só usufruindo migalhas.
Por esse pecado mortal o partido não criou lideranças, criou bajuladores, e agora que podia lançar candidato a prefeito uma liderança autêntica do partido, aproveitando o vácuo político deixado pela ex-deputada Terezinha, o PMDB lança o “recadista” Roberto Comeron, peemedebista bissexto, de última hora, uma cria da ex-deputada, tão espezinhada pelos peemedebistas. Que tipo de joguinho esperto é esse? Hamm?
Os políticos querem comer só no cocho do prefeito Cavani? É bom lembrar que, por mais de um ano, o candidato “oficial” do PMDB era o empresário Juninho da Bauma, que chegou a dar entrevista à imprensa, numa 3ª feira, dizendo como iria ser seu governo na Prefeitura etc. e tal, e na 5ª feira renunciou à candidatura a pedido do prefeito Cavani, que na mesma 5ª à tarde fora ao seu escritório exigir a renúncia.
É assim que doutor Luiz gosta de Itapeva? Impugnou a candidatura de um empresário bem-sucedido, bem avaliado, e no lugar deixou um ex-vereador, de mandato cassado por infidelidade, desempregado, cujo maior talento (único) é dar recadinhos ao microfone durante anos!! Que ingratidão do prefeito nariz-empinado à sua “querida” Itapeva. Pergunta: tem ou não tem jogo sujo nessa cartada do prefeito? Vade retro...
          Tucano de asa aparada e o “recadista”
Sabe-se que o candidato tucano Paulo de La Rua, afilhado do vereador Tarzan, não está conseguindo alçar voo na campanha, a sua rejeição é muito grande; a festa de lançamento de sua candidatura sábado, no Itapeva Clube (clube da elite), foi um fiasco, tinha pouca gente, a maioria funcionários, o candidato chegou quase no fim, às dez da noite, sozinho, o prefeito Cavani não apareceu alegando estar “doente”! Falaram o Davi, doutor Ulysses e o candidato. O coquetel servido (pasmem) foi pão seco com refrigerante. Um vereador me telefonou: “fui lá e paguei o maior mico da minha vida”.
Roberto Comeron está à frente das pesquisas porque é o mais conhecido, devido anos de recadinhos diários na FM Cristal, pois como vereador mal fez o dever de casa e no fim traiu o povo para encobrir malfeitos na Secretaria de Educação; ele está esperando a grana do Juninho/Skaff para tocar sua campanha. Pergunta: o que será que esses virtuais financiadores de campanha vão querer da Prefeitura se ele se eleger? O povo quer saber.
                                    Bolo dividido                                   
Paulinho e Comeron dividem, entre si, o eleitorado que é favorável ao prefeito Cavani, isso é senso comum na opinião de quem sabe de política, pois ambos são farinha do mesmo saco do empório do prefeito: tucanos e peemedebistas por quase oito anos deram sustentação política ao prefeito na Câmara. Portanto, esse apoio não pode acabar justo agora que o Pavaozão de dona Sônia mais precisa dele. Isso posto deduz-se que o candidato do Juninho/Skaff vai ter de sair do páreo, renunciar, para o candidato do Tarzan/Cavani ter chance de vitoria. Qual a possibilidade de isso vir acontecer? Não se sabe, mas há quem afirme que o prefeito tem “carta na manga”, que não vai sair dessa eleição como perdedor, afinal, ele tem pretensões políticas para 2014 que dependem disso. Vamos aguardar o desfecho desse imbróglio dos peões do alcaide.
Enquanto isso Dr. Mazen e Kiko Mattos vão comendo pelas beiradas. São donos do próprio nariz, não precisam de padrinhos poderosos, que só querem tirar proveito do poder. O eleitor só vota errado se quiser, ou burrice, bons candidatos não faltam.

***

1 Comments:

Blogger Carlos Alberto Rolim Machado said...

olha, eu estava em dúvida entre quem votar, mas com certeza depois dessa reportagem vou votar pela renovação MAZEN NA CABEÇA (muito embora os mattos não são flor que se cheire)! Mas, obrigado por escrever um texto coeso e com informações cruciais para a escolha do nosso prefeito. continue assim, precisamos de gente como você! obrigado. Oremos para que o Dr. Mazen administre bem itapeva e não fique a mercê dos mattos arg...dá até um frio na barriga!

12:18 AM  

Postar um comentário

<< Home

Google
online
Google